A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

terça-feira, 27 de novembro de 2018

POEMA LÁ LONGE... LONGE


 Jennifer Lopez at the Vanity Fair After Party in a Zuhair Murad Couture gown ♔ #Oscar 2015 ♔THD♔

LÁ LONGE … LONGE

Lá longe … Longe,
Mora o mor do meu coração
Eu… Aqui como um monge
Nesta doce e terna ilusão
Amor em forma de esfinge,
Eterno amor de paixão
Lá longe… Longe,
Quiçá noutra encarnação,
Onde o amor se esconde,
Da esfinge haja revelação
Quem viaja – encontrará falange,
 No manto da eterna devoção
Lá longe… Longe!...
Mora o amor do meu coração.

Daniel Costa




5 comentários:

silvia de angelis disse...

Una dolce visioni di donna, che suscita impagabili emozioni
Un saluto,silvia

Cidália Ferreira disse...

Gostei do poema!

Beijos e um excelente dia!

Pedro Luso disse...

Boa noite, Daniel, a distância certamente aumenta a saudade de um amor distante, mas o poeta tem a seu favor a poesia para amenizar a dor.
Bom final de semana
Abraço
Pedro

Graça Pires disse...

Um amor que mora longe deixa a saudade a doer no coração…
Uma boa semana.
Um beijo.

Daniela disse...

Aplausos!

=)
Bjinhos com carinho...
Por aqui com, Vivacidades e deslumbres