A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

terça-feira, 8 de janeiro de 2019

POEMA A VOZ DA CONSCIÊNCIA


 BAFTAs vs Grammys: Os melhores looks que rolaram nos dois Red Carpets » Fashion Break
 A VOZ DA CONSCIÊNCIA

A voz da consciência
A alma da nossa religião
Primado de aderência
De fé, de grande legião
Ininterrupta ardência
Esperança de guardião
A voz da consciência
A alma da nossa religião,
Alma de clarividência,
Universal guião
Anjos de excelência,
Nossa alma… Ouvirão
Com extrema complacência,
Atenta e complacente união
A voz da consciência
A alma da nossa religião

Daniel Costa


15 comentários:

silvia de angelis disse...

Intense osservazioni in bella poesia
Un saluto,silvia

Cidália Ferreira disse...

Poema lindo!

Alma desinquietada...
Beijo, e uma boa noite!

Ana Bailune disse...

A voz da consciência é a voz de Deus falando dentro da gente.
Lindo poema, Daniel.

Ani Braga disse...

Olá Daniel querido

Lindo poema...

Beijos
Ani

Trini Altea disse...

Feliz 2019

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Gostei deste poema meu amigo.
Um abraço e bom fim-de-semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

Mariazita disse...

Meu querido Daniel
Em consciência... tenho que dizer que te esmeras mais a cada dia que passa.
Estás a ficar parecido com o vinho do Porto... 😉
Falando com a seriedade que este belo poema exige... gostei imenso!
Esta mistura de misticismo com... mundanismo (refiro-me à imagem...) surte um efeito óptimo.
Parabéns.

Desejo bom Fim-de-semana
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

Maria Rodrigues disse...

Temos de saber ouvir a voz da consciência.
Lindo poema
Beijinhos
Maria
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Mariazita disse...

Meu querido Daniel
Sabes quanto gosto de ti, e sabes como sou tua amiga...
Mas... isso não me leva a ser bondosa na apreciação que faço do teu trabalho.
Sabes que sou sincera, e muito poucas são as coisas que escreves de que gosto menos...
Portanto, continua, que a minha apreciação será sempre justa 😍

Votos de um Domingo feliz
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

Zilani Célia disse...

OI DANIEL!
OUVIR A VOZ DA CONSCIÊNCIA, SE A TIVERMOS, SERÁ SEMPRE CONVENIENTE.
MUITO BONITO TEU TEXTO, AMIGO.
ABRÇS
https://zilanicelia.blogspot.com/

Tais Luso disse...

Muito bonito, Daniel, teus poemas já tem grife, tua marca, tua sensibilidade, elegância na escrita.
Deixo um beijo e o desejo de uma feliz semana.

Graça Pires disse...

A voz da consciência: é sempre bom ouvi-la…
Uma boa semana, Amigo.
Um beijo.

Ivone disse...

Que lindo de se ler por aqui, suas rimas impecáveis, sua sensibilidade ímpar!
A nossa consciência, sua voz se bem ouvida, nos encaminha muito bem!
Esse poema é de se fazer refletir!
Abraços bem apertados!

Ulisses de Carvalho disse...

Muitas vozes cabem dentro da consciência! Ou podem caber. Abraço.

Jaime Portela disse...

Magnífico poema.
Como sempre, aliás.
Caro Daniel, bom resto de semana.
Abraço.