sábado, 22 de dezembro de 2012

POEMA AMOR DE IPÊ



AMOR DE IPÊ 


Árvore que se vê
No seu verde e amarelo
Amor de ipê
Símbolo singelo,
Do imenso Brasil de você
De ancestrais, belo
Que importaram o vossemecê
Verde e amarelo
Amor de ipê
Musicalidade de violoncelo
Andamento de coupé
Segredo de polichinelo.
Sonho de frapê
O anjo disse: dorme, feito frade capelo
Voa, vai com fé
Sem entender como, voava sem selo
Entrei noutra galáxia, me esperava o coupé
Com parelha de corcéis, de luzidio pêlo
Voavam comigo na ré,
Com desvelo
Travaram junto a um ipê
No que parecia um cabedelo
Na sombra da frondosa árvore a parecer cliché
Interessante mulher, parecia modelo
Me apaixonei, imaginei concerto de oboé,
Verde e amarelo
Sonho a parecer ver as pirâmides de Jizé.
A aura do anjo mostrou, um elo
Era a primaveril festa florida do ipê
Ipê verde e amarelo
Amor de ipê,
A mulher me acenava sorridente, amor modelo
Amor bonito como a flor do ipê,
A flor do ipê, amarelo!


Daniel Costa








15 comentários:

FOLHAS DE OUTONO disse...

Olá amigo Daniel !!!!!
Como eu fiquei orgulhosa em ver meu Estado tão belo A segunda cidade mais verde do mundo está toda amarela num lindo cenário!
Uma injeção de auto-estima nos pessoenses e nós paraibanos de modo geral, e nos residentes oriundos de outros Estados e Países, ver cair em nossa cidade neve, não a neve branca provocada pelo frio estrangeiro, mas a neve amarela das pétalas, provocada pela nossa bela e colorida estação- a estação dos ipês.me faz acreditar que todos que por aqui passa se sente endeusado pelo carinho do nosso povo.Aproveito para te convidar a vir conhecer esse lugar mágico...
Aprecio muito o ipê, "árvore símbolo do Brasil!", seja da cor rosa, roxa, branca ou amarela. Esta última, que cantas em teus lindos versos, é da cor do ouro, da cor dos astros. São estas as belezas com que Deus nos presenteia. É a perfeição. "Ipê amarelo" transbordante de lírica e plural emoção,conseguiste um poema profundo, agri-doce.

"...Verde e amarelo Amor de ipê Musicalidade de violoncelo Andamento de coupé
Segredo de polichinelo.
Sonho de frapê..."

Então meu querido !Vejo que você se aprofundou de tal maneira que enriqueceu tão lindamente seu poema que chegou a cantar um violoncelo,fez do compê uma carruagem em andamento,com um lindo polichinelo(arlequim)ainda com direito a um brinde ao amor um frapê...Vejo seu poema enveredando muito pelo lado do amor.Parabéns por teu lindo poetar.Me apaixonei,ao ponto de sentir desejo de fazer um poema que fale do Ipê,em nome do amor...
Será que vou ter que continuar dizendo que vc é um dos meus poetas favoritos ...
Abç amigo !

Janaina Cruz disse...

Linda poesia Daniel, teu texto tem o cheio de agosto, de ipê florindo, e de flores formando tapetes coloridos nas ruas e calçadas, quão mágica é a natureza, quão formoso é o teu verso...

Tenhas ótimos festejos de fim de ano, que no novo ano seja pra ti só paz e felicidade.

LUZ disse...

Olá, Daniel!

O Daniel já se sente meio Português, meio Brasileiro.
Nota-se em tantos pormenores, sobretudo linguísticos.

Adora o Brasil e as/os Brasileiras/os.

O poema está muito bem elaborado, em tons de amarelo e verde, cores da bandeira brasileira.

TENHA UM FELIZ NATAL E UM BOM ANO NOVO.

Beijo da Luz.

Lu Nogfer disse...

Amigo Daniel!

Que lindo o seu poema!E a nossa rainha esbanja naruralidade nas lindas fotos!

Ja agradeci la mas venho aqui tambem para agradecer o seu comentario em minha apresentaçao no amigo J.R. Viviani.
Muito obrigada pelas palavras de carinho, viu?

"O meu desejo sincero é que todos nós tenhamos um lindo e feliz natal com a mesa bem farta e o coração transbordando de alegria e paz.
Que tenhamos um final de ano maravilhoso e abastecido do amor de Deus.
E que 2013 seja mais um ano cheio de amizade, boas atitudes, saúde, harmonia, musica, poesia, paz e amor no coração e muitos, mas muitos momentos felizes!
Que possamos ter mais paixão pela vida e assim nos embriagarmos com muitas doses de felicidade!"

BOAS FESTAS!!!

Beijos!

Maria Rodrigues disse...

Amigo Daniel um poema tão belo como as flores dos Ipês. Que o seu Natal seja muito feliz e que 2013 seja um ano pleno de saúde, paz, amor e imensuráveis momentos felizes.
Beijinhos
Maria

Lu Cidreira disse...

Olá Daniel, vim através da Anne por conta do blog Recanto dos Autores, conhecer blogs e pessoas como você é um privilegio, por tanto; muito prazer.
Eu sempre quando deixo a primeira impressão falo o que minha irmã Rira (poetiza) diz; "A poesia e o alimento da alma". Poe tanto, Parabéns.
Abraço

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu querido Poeta

Que todos os teus dias sejam Natal e do coração nunca se apague o sol
Que todos os momentos sejam plenos de felicidade...amor e esperança
Que todos os sonhos se transformem em realidade com a força do amor
Que o espírito do verdadeiro Natal renasça nas mãos de uma criança

Os meus votos de Feliz Natal junto de todos que te são queridos e
que a felicidade e o amor estejam sempre presentes na tua vida.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

lita duarte disse...

Belo poema, Daniel.

Feliz Natal, amigo.

Bjs.

Everson Russo disse...

Um Feliz Natal pra ti meu amigo e pra toda a sua família, muito amor, paz, união, e que a essência do menino Jesus esteja no coração de todos...abraços fraternos,,, poemas e paz sempre...

Magia da Inês disse...



✫✫✫
"Que o Natal seja mais um momento
em que as pessoas acreditem
que vale a pena viver um
ANO NOVO!!!"

Feliz Natal!!!

(⁀‵⁀,) ✫✫✫
.`⋎´✫✫¸.•°*”˜˜”*°•.✫
✫¸.•°*”˜˜”*°•.✫✫
.•°*”˜˜”*°•.✫✫✫ MERRY CHRISTMAS!

Mariazita disse...

Meu caro Daniel
Daqui a pouquinho vou para casa da minha filhota Paula, e só regressarei amanhã à noite...
É a primeira vez que durmo na casa dela na noite de Natal...
É a vida...

Não queria ausentar-me sem vir desejar-te, uma vez mais, um Natal muito feliz.

Um abraço muito amigo e beijinhos

Everson Russo disse...

Que o Natal seja de muita paz e felicidade e um momento de reflexão pra você e toda a sua família,,,abraços fraternos de Feliz Natal.

edumanes disse...

Amigo Daniel Costa boa Tarde
Venho feliz natal lhe desejar
Da lenha que ardia com saudade
Do passado o bom e mau recordar?

Estamos aqui
Para como foi dizer
Seu poema li
Com atenção, não o irei esquecer!

Feliz natal para você,
e para toda a sua família.
Um grande abraço
Eduardo.

Anne Lieri disse...

Daniel,que bonito poema do ipê,essa árvore sempre tão florida!Amei as fotos da Severa nessa poesia tb!Desejo um Natal abençoado a vc e sua familia!bjs,

Gracita disse...

Olá amigo Daniel
As tuas palavras são como acordes de uma orquestra todas muito bem entrelaçadas fazendo um belíssimo composê verde amarelo enaltecendo brilhante a musa que inspira esta magnífica composição.
Em cada metáfora o luxo da composição poética. Lindo Amor de Ipê!
Um natal mais que lindo viu? Repleto de amor e harmonia.
Beijos
Gracita