quarta-feira, 17 de agosto de 2016

POEMA AJUDEMOS A SALVAR A HUMANIDADE

 

AJUDEMOS A SALVAR A HUMANIDADE

Usemos de inteligente suavidade
Formemos batalhões de salvadores
Salvemos a humanidade
Se para tudo temos gestores!
Sejamos gestores de boa vontade
Que em tudo haja amores de valores
Fazendo circulatória a afabilidade
Demonstremos ser da paz cultivadores
 Demonstrando sem ambiguidade!
Humildade de profetas pensadores
Olhemos o semelhante com fraternidade
Expurgando preconceitos étnicos aterradores
Pregando paz e a total igualdade
Que todo o humano tenha direitos pacificadores
De contumaz honorabilidade
Nas veias não corre sangue, pigmentado, de primores:
- A natureza não criou desumanidade
Quem se atreve a criar desarrumadores?
Sendo xenófobos, de, e… Por maldade!
Sejamos da paz mentores,
Ajudemos a salvar a humanidade!...

Daniel Costa



6 comentários:

✿ chica disse...

Que todos tenham essa mesma vontade,ajudar a humnanidade! Linda poesia! abraços, chica

Ivone disse...

Querido amigo Daniel, que cada um faça sua parte, pois o que é preciso é mesmo homens de boa vontade!
Lindo poetar por aqui, amei ler!
Abraços apertados!

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Precisamos todos nos unir e salvar nossos irmãos.
Adorei ler Daniel!
Bjs-Carmen Lúcia.

Reflexos Espelhando Espalhando Amig disse...

Ei Daniel!
Que verdades em forma de
sua poesia.
Amo vir aqui e o aguardo no Espelhando.
Semana que vem volto das ferias
e volto a postar seus poemas
nos dias de quarta-feira.
Bjins
Catiaho Alc.

Jaime Portela disse...

Mas a humanidade tarda em querer salvar-se...
Belo poema, meu amigo, gostei imenso.
Daniel, desejo-te um bom domingo e uma boa semana.
Abraço.

Graça Pires disse...

Era preciso que a humanidade quisesse ser salva... "Paz aos homens de boa vontade"...
Um beijo.