A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

terça-feira, 1 de novembro de 2016

POEMA QUIÇÁ

Resultado de imagem para IMAGENS PARA QUIÇA

QUIÇÁ

Sem preguiça
Moendo no pilão
Quiçá… Quiçá… Quiçá!
Balão… Badalão
Astrofísica
 Melopeia de batelão
Astrodinâmica
Corda de violão
Quiçá… Quiçá… Quiçá!
Visibilidade no telão
Aritmética
De salão
Autocritica
Martelão
Balalaica
De papelão
Quiçá… Quiçá… Quiçá!
Linha profética
Quiçá… Quiçá… Quiçá!
Diagonal poética
Quiçá… Quiçá… Quiçá!
Procura de estética!...

Daniel Costa




3 comentários:

Maria Rodrigues disse...

A sua inspiração não tem limites.
Lindo poema
Beijinhos
MAria

Vieira Calado disse...

Essa é boa!
Já foi a Sagres? Ora aí tem;
http://astronomia-algarve.blogspot.pt/2016/10/sagres.html
Cumprimentos!

Jaime Portela disse...

O certo é que esteticamente o poema é muito bom.
Depois, lendo com mais atenção, vai-se percebendo que muitos dos versos têm uma profundidade que à primeira vista não se vê.
Excelente, parabéns.
Tem um bom fim de semana, caro amigo Daniel.
Abraço.