A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

sexta-feira, 27 de abril de 2018

POEMA AMADA AMANTE I I

 



AMADA AMANTE I I



Amada amante

O nosso amor

Havemos de consagrar

Na igrejinha de Santo António,

De Santo António,

Da rua do Vale,

Do vale de Santo António,

Onde há a tradição,

Que o Santo ali nasceu

Que o milagre do amor,

Do amor ali ocorreu,



Amada amante

Terno e eterno amor

O nosso amor

Havemos de consagrar

A Santo António,

 Não iremos à Catedral da Sé

Fica claro, olaré





Lá na rua do Vale,

Olhemos bem a antiguidade

Da Lisboa de outras eras,

Terno e eterno amor,

A humildade em esplendor

Terno e eterno amor,

Atrás de Alfama,

Onde passou a moirama

Onde nasceu o fado,

Amada amante,





Amada amante

Terno e eterno amor

O nosso amor

Havemos de consagrar

A Santo António,

 Não iremos à Catedral da Sé

Fica claro, olaré



Daniel Costa


NOTA: este poema foi escrito, a pedido, com a intenção de vir a ser letra de canção.





12 comentários:

silvia de angelis disse...

Una serie di bei versi d'amore intensi e romantici
Un saluto,silvia

✿ chica disse...

Parabéns...ficou Lindo abração chica!

Gil António disse...

Lindo demais. O amor em cálido movimento

Feliz fim de semana.

Marta Vinhais disse...

As noivas de Santo António... A tradição... Lisboa e Luz...
Ainda bem que regressou...
Obrigada pela visita
Beijos e abraços
Marta

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

Bom dia, querido amigo Daniel, que bom que está de volta.
Belíssimo poema, e letra de música, sem dúvida a letra é certa e apaixonante.
Amada Amante, a que muito ama, e o amor se eternizará perante Deus.
Grande abraço!

Maria Rodrigues disse...

Meu amigo que declaração de amor tão bela e apaixonada.
Maravilhoso poema!
Espero que se encontre já completamente recuperado.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Ivone disse...

Querido amigo Daniel, sempre um prazer te receber e agora melhor ainda por saber que estás bem, fiquei a par de seu internamento hospitalar e do decorrer do quadro de sua recuperação!
Amei ler, como sempre, seus belos versos e nossa amiga em comum linda como sempre, ilustrando tamanho poema de amor, "Amada Amante" está lindamente escrito e rimado como sempre digo, és nisso imbatível, seu vocabulário é invejável!
Abraços bem apertados!

Reflexos Espelhando Espalhando Amig disse...

Adoro esses amores
sempre tão fieis
e mantidos a toda prova.
Que bom que você
esta de volta querido
Daniel.
Bjins
CatiahoAlc.

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Uma bela e poética declaração de amor de que gostei bastante.
Um abraço e bom Domingo.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
Livros-Autografados

São disse...

Sejam felizes !

Abraço e bom domingo

Graça Pires disse...

Um poema para cantar. Gostei muito, Daniel
Uma boa semana.
Um beijo.

Amélia disse...

Adorei ler estes maravilhosos, percebi que tem um coração enorme...
Um feliz fim de semana