A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

sábado, 25 de dezembro de 2010

POEMA O MAU DA FITA


O MAU DA FITA

Posso andar sempre na guita
Mentalmente de outro modo não sei estar
Ainda não entendo porque nasci para ser o mau da fita
Será por ter sempre novas ideias, de ver simples singular?
Aparentemente, serei homem de tranquilidade
Interiormente serei como um vulcão a magicar
As minhas ideias parecem um vulcão incandescente
Talvez sempre a brilhar
Em vez de aceites como um presente
Sempre foram rechaçadas
Como se não tivessem sido minhas, tornaram-se boas
Sempre vieram um belo dia a ser adoptadas
Como é interessante ser o mau da fita
Ser sempre o mal amado
Que bem me fica, é assim que me habituei a viver
Nesse permanente estado, algo escusado
Curioso! Sempre procurei ser bom companheiro
Fazer valer os meus ideais sim
Sem nunca querer ser primeiro
Se guardei patos e espantei pardais
Se por muitas fases passei, se muito planei
Se a escritor cheguei, como muito mais executei
Talvez me invejem, mas quando precisaram de mim deixei
Se sobrevivi, saltando o muro para segunda encarnação
Procurando sempre a verdade amo mundo, como sempre amei
Gosto mais de invejas, podem recair sobre mim só!
Estimulam muito, viver com elas sei
Para que de mim não tenham dó
A procurar a verdade e justiça por cá andarei
Viver com fé brandura, jamais ser ruim
Viver de maneira diferente, hum!
Que mais exigirão de mim?
Fui, sou e serei o mau da fita
Sei que sempre usei bondade… Enfim!...

Daniel Costa


15 comentários:

José María Souza Costa disse...

Belissimo. Seguirei por este.
Bom dia de Natal.
Felicidades, sempre.
Abraços

Whispers disse...

Querido Daniel,
Desejo que teu Natal seja de paz, amor e muita saude.
Que o ano de 2011 te traga todos os teus sonhos.
Mil beijos
Rachel

Marta disse...

Creio que há alturas na vida em que todos nos sentimos o "mau da fita"....
Só que realmente não somos assim; é muito melhor ser quem somos....
Espero que tenhas tido um Bom Natal...
Beijos e abraços
Marta

P.S.: Há 2 novos posts - um em cada blog

Everson Russo disse...

Fortissimo o poema meu amigo,,,chega uma certa altura da vida em que vamos percebendo as complicações dos caminhos,,,e vamos aprendendo com elas...abraços fraternos de bom domingo e uma bela semana pra ti...

Pérola disse...

Olá meu bom amigo.
Nunca mude seu jeito de ser,ele nos alegra e muito.
Vc é um bom companheiro, daquele que ñ se pode dispensar e sim conservar.
Parabéns pelo poema.
Um beijo carinhoso.
Como passou de Natal?
Beijokas mil.

Desnuda disse...

Estimado amigo Daniel,

todos nós em algum momento ou fase na vida podemos " ficar mau da fita". Mas o que realmente importa é o quão você é bom na vida, com quem vive e para o que vive e isto você é não só bom, mas muito bom! Um homem de belos sentimentos e de muito caráter.Cada um tem um conceito e o direito de tê-los, mas o importante é ser como você é, na certeza e consciência de que o é: um bom e valoroso homem que admiro muitíssimo por tantas qualidades que possui. Obrigada por sua amizade e por me passar tantas experiências e aprendizados construtivos para a minha vida.


Carinhoso beijo queridíssimo amigo que tenho a honra e felicidade de fazer parte do seu rol de amigos, mesmo virtualmente, com sentimentos reais que nos ligam, sinceramente.

Everson Russo disse...

Uma belissimao semana pra ti amigo,,,paz e serenidade sempre...abraços fraternos.

Lúcia Leme disse...

Um Ano Novo muito feliz p/ ti.

Bjus.

Sandra Botelho disse...

Como sempre maravilhoso.
Tudo que escreves tem magia querido poeta. e me fascina.
Bjos achocolatados e um ano novo perfeito pra ti

Fernanda disse...

Amigo Daniel!

Belíssimo poema, como sempre!
O mau da fita, o Kilas... tem ideia?
Fez-mo lembrar.

Feliz Ano Novo meu amigo, que este já previsto mau ano, não o seja em termos de saúde e de amor, pelo menos isso.

Beijinhos

Olhos de mel disse...

Querido Daniel; simplesmente siga seu caminho, sem culpas. Opiniões diversas sempre existirão, mas cada qual sabe da sua consciência e se nem Cristo agradou a todos, como poderemos acreditar que vamos agradar?
Mas eu estarei aqui sempre a lhe dizer: Obrigada meu amigo! Foi muito bom poder lhe conhecer.
Lindo seu poema!
FELIZ ANO NOVO! Saúde, paz e prosperidade. Beijos

Jacque disse...

Daniel... Eu estou oferecendo minha lembrancinha de aniversário, no meu BLOG AGUA DE ROSAS... apareça !
Postei antes do dia do aniversário, porque vai ser dia 1° de janeiro...

FELIZ ANO NOVO !

JACQUE

Everson Russo disse...

Um belissimo dia pra ti amigo,,,abraços fraternos sempre...

Pérola disse...

Eu gosto dos seus mimos e dos seus comentários carinhosos,sinto o quanto sou querida por ti e isso é muito gratificante.
Vc é muito especial pode apostar meu querido.
Precisamos voltar a bater papo no msn rsrsrsrsrsr.
Amei te acompanhar na véspera de Natal.
Obrigado pela companhia.
Beijokas millll.

Marilu disse...

Mais um ano está chegando ao fim, e na beleza das noites iluminadas, os sonhos de muitos corações se preparam para a viagem à procura de suas realizações, que ocorrerá durante todo o ano vindouro.
A mesma ocorreu no ano que por hora se finda.
Sonhos saíram, alguns já voltaram sorrindo e outros, de mãos vazias, aguardam a chegada do novo ano, para seguir numa nova busca
E quando a meia-noite trouxer o Novo Ano para o mundo e os fogos de artifício anunciarem a sua chegada, nossos sonhos sairão por aí...
Que Deus tome a frente e que nas noites sem luar, as estrelas brilhem mais forte, iluminando o longo caminho.
Que no próximo ano possamos continuar a ser amigos e esperarmos juntos a chegada dos nossos sonhos que partiram, comemorando com imensas taças de amizade verdadeira a vinda e a realização de cada um.
FELIZ ANO NOVO.....FELIZ 2011

Beijocas