terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

POEMA FLOR DE JARDIM


FLOR DE JARDIM

Meu amor é assim
Estava o jardineiro
Quando visitei o jardim
Ou então sonhei
Foi-me indicado um canteiro de jasmim
Talvez vivendo o sonho reparei
Que afinal iria encontrar um amor para mim
O amor com que sempre sonhei
Que por felicidade estava naquele jardim
Um bonito e sedutor amor
Sonhava-o assim
Belo como uma flor
Sempre sonhei com uma vida
Uma casa a transbordar de amor
Partia daquele canteiro
De jasmim meu Senhor
Ali estava uma mulher bela
Na plenitude do amor
Estou-me a dedicar muito a ela
Dedico-lhe todo o meu fervor
Foi no jardim que sonhei
Foi lá que encontrei um bonito amor
Amor para toda a vida
A mesma a que dedico um louvor
Havemos de voltar aquele jardim
Mostrar a dimensão do nosso amor
Iremos colher uma flor de jasmim
Como preito de gratidão
Mostrar que o amor como é bonito assim

Daniel Costa


11 comentários:

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta

Como sempre encontro tanta ternura nos seus poemas...sempre homenagens lindas...é um romantico.

Beijinho com carinho
Sonhadora

Marilu disse...

Querido amigo, lindas palavras nesse belo poema. Beijocas

Sherazade disse...

Que declaração de amor, mais linda e mais carinhosa!
Belas palavras para compor um poema muito bonito!
Beijos

Everson Russo disse...

E que o amor sempre cuide e zele por essa flor do jardim,,,meu amigo,,,fico feliz que tenha conseguido resolver os problemas do blogger,,,já passei por isso e sei o como é chato,,,abraços fraternos pra ti de otimo dia.

E posso te dizer uma coisa,,,não conseguiremos viver nesse blog mundo sem um anjo chamado Sarinha...

Desnuda disse...

Querido amigo Daniel,

Voce tem um jeito lindo de falar sobre este sentimento maior que é o amor, porque voce sabe bem o que é e significa este sentimento. Valoriza-o, como ninguem!

Beijos com carinho, amigo.

Marta disse...

Num jardim tão cheio de ternura, o amor tão acarinhado....lindo....
Adorei, Daniel.
Beijos e abraços
Marta

Pérola disse...

Oi meu querido.
Que bom que voltou rs.
Realmente o amor é uma coisa boa,ainda me impressiono por saber que existem pessoas que ñ acreditam nele.
Até eu cheguei a comentar isso por boca pequena,graças a Deus foi só um surto rs...
Eu acredito no amor e até nos jardins que por ele são brotados independente das ervas daninhas rs.
Todos nós somos flores de algum jardim ou fomos um dia e seremos por uma eternidade se soubermos com sabedoria conservar as sementes que dão bons frutos.
Beijos meu amigo querido.
Belo poema.
Um beijo grannnnnde.

Pérola disse...

Fiquei feliz pq voltou.
Sarinha é tuuuuuuudo de bom rsrsrsrs.
Que coisa não,isso parece que virou moda eu heim!!!
Duas coisas nojentas e que tenho pavor,furtar o que nos pertence e comentários anônimos, oh nojo que eu tenho disso,coisa de gente mesquinha e sem escrúpulos.
Eu já passei tanto porísso que agora eu quero é mais que se danem,só dou ibope para quem merece rs.
Beijos amado.

Drika disse...

Olá Daniel...que bom que vc voltou =) tentei deixar uma recado aqui para vc mas não havia conseguido, agora deu certo =)

Seu poema é tão lindo quanto as flores e tão bom quanto o perfume do jasmim... lindo!

Abraço no seu coração poeta...=)

lita duarte disse...

É, e o jasmim é a flor dos namorados...
E o amor é o desejo eterno de ser feliz.

Daniel, que bom te ler.:)

Beijos.

Everson Russo disse...

Um belissimo final de semana pra ti amigo,,,abraços fraternos e obrigado sempre pela sua presença e sua amizade...