A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

quarta-feira, 3 de abril de 2013

POEMA AMOR PEROLADO



AMOR PEROLADO

Vivia apostado
Na procura da felicidade
Amor perolado
Sonho de acuidade
Bastante animado
De benignidade
Podia dizer doirado
Grande santidade
Santidade de iluminado
O anjo na sua originalidade
Sentia-se fascinado
Com o meu sonho de dignidade
Animado
Com a sua autoridade
Prestigiado
Numa barquinha de sobriedade
Me fez colocar sem pecado
Voei ao infinito com benignidade
Parecia fadado, a ser enviado,
 Protegido de atomicidade
A outra galáxia chegar como antepassado
Como na antiguidade?
Já ali voei continuei, como enviado
Dos deuses da velha idade
Parecia refugiado
Até descer com catolicidade
Era feriado
 Linda, elegante mulher, deidade – potestade
Amor perolado
Fixei e me prendi à beldade
Fiquei deveras apaixonado
Entrementes acordei, com emotividade
Coro de querubins, um seria advogado!
Discursou assim: com vigor e humildade:
- Eis a mulher vestida de branco imaculado
 Foste premiado pela dignidade
Para tal, pelo teu anjo, foste chamado
Prémio de garbosidade!
Amor perolado
Amor de infinidade
Amor perolado!


Daniel Costa




6 comentários:

Anne Lieri disse...

Daniel,que belo poema de amor perolado e a Severa está linda com esse colar de pérolas!bjs,

Bandys disse...

Um amor assim, é mais que belo é pre eternidade.
E Severa como sempre linda e bela. Eu olho tudo, ate os desenhos das unhas. Incrível parabéns

Beijos

Severa Cabral(escritora) disse...

Boa noite amigo Daniel !
Amor que me faz sonhar,de cintilante ficou perolado,faz a razão acontecer,para a felicidade.Fazer do anjo original,dono de um coração,cheios de segredos viajando noutra Galáxia,tão cheio de esplendor,da qual a melodia é um AMOR PEROLADO !
Seu poema se misturou com a beleza do amor,se fez único,é tudo que sei dizer...
abç amigo !

Tunin disse...

A Severa sempre emoldura, com toda a sua elegância e competência, os temas que norteiam os teus magistrais poemas.
Abração.

Evanir disse...

Boa noite amigo Daniel.
Venho agradecer seu comentário no meu blog é sempre muito carinhoso comigo.
Os dias que estive ausente li todos os livros , que ganhei de ti também da madrinha Severa.
A pouco tempo ganhei 2 livros de uma amiga de Portugal.
Daniel fico muito emocionada com o carinho que recebo .
Eu fico muito agradecida a Deus por ter amizades tão lindas e rica de bondade e amor.
Aqui do Brasil também ganhei o livro da madrinha Severa ,Anne Gil Ordonio ..Gil mora em Recife..
Com certeza eu esqueci de mais livro ganhei o primeiro de você e da Severa madrinha.
Linda noite beijos,Evanir.

Fernanda Oliveira disse...

Belo poema amigo Daniel como é do seu feitio...
Amiga Severa sempre tão elegante com esse lindo sorriso e alegria que nos contagia.
Amigo Daniel lhe deixo beijos e desejo-te uma linda noite.

Fernanda Oliveira