A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

terça-feira, 11 de março de 2014

POEMA MAR DA CIDADE DE SALVADOR


 
 
MAR DA CIDADE DE SALVADOR 

Poeta será trovador
 Recordando o tempo que passa
Mar da cidade de Salvador
Senhora do Mar, sua graça!
Te olhamos com fervor
Como gaivota que esvoaça
Na península sem temor,
Audaz, nada a temer, por ser submissa
Observando bastante população de cor
Onde em mais de trezentas igrejas se reza missa
Depois se espraia com fulgor
Senhora do Mar; foste promessa!
Ainda não havia, se sonhava em gravador
Ao teu mar, chegava a humana massa,
Para construir e formar a cidade de Salvador
Na Bahia de Todos Santos, a fazer recordar Mombaça
Das Índias onde pensou ter aportado o grande navegador
Pedro Álvares Cabral, homem de raça
A chamada a Meca da Negritude, de bom observador
Uma vez que, em pouco a cultura negra, a local ultrapassa
Bastantes extratos populacionais formaram Salvador!
Ser das maiores cidades ibero-americanas é premissa
Mar da cidade de Salvador
 Nesses confins, foi lá que se celebrou a primeira  missa
Mar da cidade de Salvador! 

Daniel Costa

 )
 
)

10 comentários:

✿ chica disse...

Salvador [e linda e tu, como poeta soube muito bem dela falar e cantar! abração,tudo de bom,chica

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Poema lindo sobre uma das mais belas cidades, e seu mar, do Brasil.
Beijos, anjo,
Renata

Anne Lieri disse...

Daniel,o mar de Salvador é mesmo um paraiso e ficou ainda mais encantador em sua poesia! Bjs e boa semana,

Felisberto Junior disse...

Olá,Boa noite,amigo Daniel
o mar da cidade de Salvador...conheço bem,fui várias vezes, e nessas , e bem descrita em seu belo poema, pude aprender, com a ajuda dos guias, como se desenvolveu a colonização da primeira capital do meu país, o Brasil e a capital da multiplicidade...sem falar nas suas belas praias e igrejas...
Parabéns!
Obrigado,
Pelo carinho,bela noite,belo dia,abraços!

Ivone disse...

Que lindo, amei ler e ver, essa cidade é demais, conheço bem, fui várias vezes, minha nora é uma linda baiana!
Belos versos meu amigo poeta dos mares!

Jose Torres disse...

Pena que não tenha um relógio que me permita dar mais tempo ao tempo.
Os poemas que perco (não, não perco, lei-os, mas não tenho letras para os comentar a todos)
Como é apanágio "desta casa", mais uma intimidade maravilhosa.
Que nunca te falte "a tinta" de escrever amigo Daniel.
Um abração

Safira disse...

Olá!
Mas que lindo!

Dorli disse...

Olá poeta.
Tudo bem?
Linda poesia
Beijos
Lua Singular

Nanda Olliveh disse...

Boa tarde amigo Daniel, lindo post !
Salvador é uma cidade linda !
Se vê o quanto você gosta do Brasil.

Fiquei muito feliz com sua visita !

Obrigada !

Beijos no coração !

Vera Lúcia disse...


AH, Daniel, esta maravilha eu conheço. Já fui diversas vezes a Salvador curtir suas maravilhas e costumes.

Adorei,

Abraço.