domingo, 25 de maio de 2014

POEMA DAS PRAIAS A ILHA DE MADEIRA






MAR DAS PRAIAS DA ILHA DA MADEIRA

No Atlântico, de Portugal, bandeira!
Ilha de beleza, do mundo altar
Mar das Praias da Ilha da Madeira
Repara bem nelas; Senhora do Mar
Da Ilha de belezas rendilhadas; tecedeira,
Para em guarda avançada figurar
Não só de Portugal, mas da Europa verdadeira!
A seu ocidente saber estar,
Todo o mundo da pérola se abeira
Praias, ficamos pela da Calheta a sonhar!
Sabendo que em círculo, há várias em fileira
Que belo; é as praias da Madeira visitar
Senhora do Mar; vamos bailar com a bordadeira!
Vamos eternamente bailar!
Ensaiar o bailinho da Ilha da Madeira
Ver o tranquilo mar e palpitar,
Ao ver a bonita flora, da ladeira
As bonitas e exóticas flores, nos vão encantar
Mar das Praias da Ilha da Madeira,
Sê meu cicerone, Senhora do Mar!
Desejo te sentir como verdadeira,
Naquele natural altar,
Que Deus desenhou para cerzideira,
Para a Portugal doar
Mar das Praias da Ilha da Madeira! 

Daniel Costa






12 comentários:

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Poema tão belo que me deu vontade de conhecer esse mar. Se não conheço nem os daqui, quem dirá os daí.
Beijos,
Renata

Tais Luso disse...

Lindo poema, lindas praias. Ontem estava descobrindo os lindos castelos de Portugal, belíssimos. Agora vou pretendo descobrir suas praias!
Obrigada, amigo Daniel.
bjs do sul do Brasil.

Ivone disse...

Que linda praia, seu poema, lindíssimo, estou conhecendo aí através dos belos posts que nos presenteia!
Amei ver e ler como sempre meu amigo sempre querido!
Abraços!

PERSEVERÂNÇA disse...

Poema harmonioso diria que encantador.
Abraço
Nicinha

São disse...

Gostaria de rever a Madeira , mas não gostei da maneira como recebem os continentais...

Boa semana

Tunin disse...

Sou apaixonado pela Ilha da Madeira. No ginásio estudava sobre essa ilha e me apaixonei. A tua poesia condiz com a beleza e história do lugar.
Abração.

MARILENE disse...

Muito se fala sobre a Ilha da Madeira e a imagino linda. O vídeo foi muito bem escolhido, Daniel, permitindo-nos um passeio pelas águas encantadas desse mar, cantado com beleza por seus versos. Bjs.

Novo Modo de Poetar disse...

Bom dia, Daniel, retribuindo sua amável visita e peço desculpas pela demora em aqui chegar, estava em viagem. Cá estou a apreciar seus belos escritos e agradecer o carinho da sua presença em meu blog. Gostei de conhecer seu trabalho e um pouco dessa praia tão bela. Parabéns !
Estou seguindo seu blog. Tenha um dia azul! Bjs!

Marta Vinhais disse...

Tenho que voltar à Madeira e redescobrir estas praias...
Lindo...
Beijos e abraços
Marta

Jose Torres disse...

Bem, praias... praias, são noutras latitudes.
Os "Albertos" "filhos dum soba, pensam que somos os colonizadores.
Só lhes interessa os euros que mamam.
Estive lá de passagem, (estava de férias no Porto Santo), mas não fiquei cliente.
Faço 1200km, mas tenho a simpatia dos espanhóis para com os portugueses, água quente do Mediterrâneo, "casa" quase no areal e boa comida.
O que quero mais???
Um abração

Bandys disse...

Oi Daniel,

Linda demais. Um dia eu ainda vou passear ai.

beijos

Lu Nogfer disse...

Que lindo, Daniel!
Lindíssimos e intensos os teus poemas.
Amei!
Beijos.