sexta-feira, 10 de outubro de 2014

POEMA DAGUERREÓTIPO



DAGUERRIÓTIPO 

Serei saudosista? Reflito!
Porquê saudosista?
Daguerreótipo
Apareceu na crista,
No século dezanove novo veredicto
Era mais um evento na lista,
O princípio da fotografia; fica dito!
 Louis Daguerre porfiou para que ela exista,
A princípio a parecer esquisito
Chapa metálica a imagem recebia
A revelação parecia um longo espírito
Posto à soberana revelia
Porém, o seu criador achou o subtipo,
Lutou e a conseguir viria,
Mais adequado protótipo,
Atualmente, quem diria?
Se ouvir a palavra daguerriótipo,
Sabia que ouviu falar de fotografia? 

Daniel Costa


12 comentários:

PERSEVERÂNÇA disse...

Feliz sexta-feira!
Confesso que seu poema me faz refletir ou seja tentar entender a sua mensagem, gosto de escritos que me fazem pensar, imaginar...
Te espero no Perseverança,
Grande abraço
Nicinha

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Olá Daniel,palavras para se pensar muito..
bjs e um ótimo final de semana.
Carmen Lúcia.

Tunin disse...

Uma bela reflexão neste teu Daguerreótipo. Para começo de conversa, não conhecia esta palavra.
Abração.

Magia da Inês disse...

。°°。✿⊱。
Eu também não conhecia essa palavra, mas gosto da poesia e da imagem.

Bom fim de semana!
Beijinhos do Brasil°°。✿
。°°。✿⊱。

Graça Pires disse...

É bom lembrar aqui Louis Daguerre. A fotografia deve-lhe quase tudo. Gostei do poema.

Marta Vinhais disse...

Com o Mundo evoluiu....
Agora é tudo digital....
Gostei muito...
Beijos e abraços
Marta

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Poema reflexivo muito bom.
Beijo*

José María Souza Costa disse...


Olá Daniel, tudo de bom.

Todo tempo, é tempo para refletirmos
Abraços

São disse...

Sabia e que vinha do nome do seu inventor francês, rrss

Duvido que as gerações mais novas saibam.

Abraço, Daniel

MARILENE disse...

Vídeo belo, Daniel.
Não conhecia o termo que usou como título do poema e seus versos me trouxeram aprendizado. Quando vemos os recursos de hoje e os comparamos com o passado, nos assustamos (rss). Bjs.

Vanuza Pantaleão disse...

Querido amigo, não és saudosista, és consciente da grande contribuição que esses nomes do passado nos legaram em termos de progresso.
Excelente! Adorei mesmo!

Obrigada, Daniel!
Um dia de muita paz!Bjsss

Mariazita disse...

Meu querido amigo Daniel
Só mesmo tu para fazer um poema tão interessante tendo como tema o daguerreótipo!
Se perguntares à juventude que "coisa" é essa :))) provavelmente ouvirás as respostas mais disparatadas que possas imaginar.
Mas... tratando-se de "menos jovens":))))))))), como eu, dizem-te logo que sim senhor, sabem o que foi e que deve o seu nome a Daguerre, o preconizador da fotografia.

Brevemente mandarei email para conversarmos um pouco.
Até lá... deixo-te beijinhos muito amigos.
Mariazita