terça-feira, 30 de junho de 2015

POEMA PÔR-DO-SOL NA PRAIA DO JACARÉ


<br/><a href="http://oi61.tinypic.com/29e1y5y.jpg" target="_blank">View Raw Image</a>
 
PÔR-DO-SOL NA PRAIA DO JACARÉ

Para além do Equador, genarié? *
Em Cabedelo, foz do rio Paraíba
Pôr-do-sol na Praia do Jacaré
Lindo como ilha Caraíba
Oh monsenhor de Poincaré!
Visão de outro mundo, Japuíba
Embalados no fluxo da maré
Imaginemos o morro Itaíba,
Ou o poderoso deus de Avaré
Férteis margens, a recordar Guaíba
Pôr-do-sol na Praia do Jacaré
O toque do bolero, memória descritiva!
Jurandy do sax, que memorável é!
Adorável esplendor visual de mangaíba
Crepúsculo e som de sax olaré!
Tudo a fazer imaginar formosa diva,
Pôr-do-sol na Praia do Jacaré!

Daniel Costa

·         Angolano Quioco = como te chamas?

 

7 comentários:

✿ chica disse...

Esse lugar e momento mágico do dia, só poderia ter ganho uma bela poesia como essa tua! Valeu!" belas fotos também! abração,chica

Ivone disse...

Que lindas fotos meu amigo sempre querido!
O poema bem inspirado que nos presenteia, amei ler, como todos os seus lindos e bem escritos poemas com rimas incríveis, adorei!
Abraços bem apertados!

helia disse...

Um excelente Poema que gostei muito de ler e umas belas fotos !

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

Bom dia, querido amigo , Daniel.
As fotos são lindas, maravilhosas. Percebi o calor aí, pois o frio aqui está terrível.
Seu poema dispensa comentários, pois é sempre muito bem construído, e com rimas ficou belíssimo. Obrigada por suas visitas constantes em meu blog.
Grande abraço!

Vanuza Pantaleão disse...

Meu super amigo, Daniel, encantada estou eu com a tua vitalidade e força poética. Com certeza, estás remoçado e cada vez mais criativo com tantas viagens e descobertas que fazes pelo nordeste do Brasil.
Aproveite tudo que puder, querido amigo!
Muito grata pelo teu carinho e amizade, sempre!Bjssss

Vanuza Pantaleão disse...

Ahhh, não poderia deixar de citar essas imagens eloquentes e belíssimas que nos presenteias. Adorei tudo!!!

MARILENE disse...

Daniel, em um belo lugar e com boa música!!!! Que beleza! De tudo só podia chegar essa inspiração que proporcionou o poema. Abraço.