A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

domingo, 31 de maio de 2009

poema


Recebi do Blog, de Angela Guedes - http://angelabeneguedes.blogspot.com/
O prêmio Blog Dorado. Agradeço a premiação.


O mote de criação do prêmio é o seguinte:
- "É um prêmio que homenageia os melhores blogs e tem sua simbologia nas cores que utiliza.
A cor azul representa paz, profundidade e imensidão.
A cor dourada a sabedoria, a riqueza e a claridade das idéias.
O prêmio em si representa a união entre os blogueiros."Aos que o aceitarem, agradeço antecipadamente e passo a enunciar as regras:
- "Colocar o prêmio em situação visível ou linká-lo.
“Anunciar através de um link, o blog que o premiou e premiar até outros 15 blogs, avisando a blogueiro sobre a premiação.
” Os meus blogs indicados são os seguintes:

Renata Maria Parreira Cordeiro
Val Du
Sorrisos
Esconderijo da Bandys

Eu sei que vou de amar
Mundo Azul
Vanuza Pantaleão/Obra Literária
Dona Poesia
Desnuda
A Casa da Mariquinhas
Um Vento na Ilha
Infinito Particular
Fenanda & Poemas
Eco das Palavras
Ave sem asas




CRISE NA FINANÇA

Sempre assusta a crise
Do mal parece aliança
Para o que haverá dinheiro
Se algum se tem,
Entra-se no banco, empresta-se
Dizem-lhe que deposita
Agora chegou a da finança
Mais uma a tirar esperança
A quem convém
Dizem as culpas serem de todos
Só porque muitos ficam sem dinheiro
A culpa é de alguém, não será do primeiro
Coitado!...
Quem comanda é o financeiro
Ele subirá a outro poleiro
Se menos, empresta
Ainda paga, à banca, dita
Comanda a malvada
Paga a gestores pantomineiras
Dizem: o patrão ganhou
Somas avultadas de dinheiros
Reparte lucros, torna-os banqueiros
Criam-se novos poleiros
Exigem pagar a mais banqueiros
Não fazem nada, mas
Afluem dinheiros
Sabem explorar o aforrador
Quais mineiros
Gerem os dinheiros
Na mão uns papéis, uma ilusão
Há crise? Deu o dele
Pode pagar em primeiro
Vai ele subir a outro poleiro
Onde haja outro dinheiro
O pobre fica triste, mas paga
Não se lembrou do colchão
Tudo dava certo, ali à mão
De atalaia vigia, o banqueiro
Isento de culpas, com novo dinheiro
Outro assina na atrapalhação
Hossana???
Ao nosso primeiro!...
Daniel Costa

23 comentários:

Angela Guedes disse...

Ola Danniel!!!
Vim lhe dizer que tenho um prêmio para você no meu blog...
Indiquei seu blog para o premio “Blog Dorado”.
Um ótimo domingo dá um pulinho lá.
Beijos
Ângela

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO DANIEL, BELÍSSIMO POEMA... ADORO ESTA POESIA!!!
VOTOS DE UM BO0M DOMINGO... ABRAÇOS DE AMIZADE,
FERNANDINHA

SAM disse...

Daniel, adoro teus poemas temáticos! O amigo sabe o que escreve e sabe escrer com talento!


Beijos e ótimo domingo.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Bom dia, Daniel:
Crise nas finanças, empréstimos são uma bola de neve que não sabemos onde vai parar.
Muito bom o poema, como sempre. Gosto muito de todos os que vc faz.
Agora, meu amigo, vc passou em dois Blogs meus e não foi ao Galeria e eu gostaria de saber por quê. O post não está longo. Vc é seguidor, devia comentar.
Um beijo,
Renata

Whispers disse...

Ola Daniel!

Dinheiro,é uma bola de neve que rola de mão em mão.
beijos e bom Domingo
Whispers

xistosa - (josé torres) disse...

É engraçado que de um momento para o outro o dinheiro desapareceu dos bancos, (quando ainda há pouco tempo até o levavam a casa de quem o pedisse).
Desapareceu e ninguém o tem
Esquisito.
Mas continuamos a flutuar sobre as nossas notas que se sumiram e vamos de ter que as pagar.
Incongruências?
Não!!!
Falta de legislação que prendesse logo quem pisou o risco, ou fez desaparecer a grossa maquia e só deixou uns trocos.
Uma boa semana.

Mariazita disse...

O “Lírios” assinala o Dia Mundial da Criança.
Queres ir conferir?
Um dia feliz.

Beijinhos
Mariazita

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Obrigada pelo selo, Daniel. Vou seguir as regras e vou guardá-lo para fazer mais um slide.
um beijo,
Renata

Lethéia disse...

Oi...mto tempoobga pela visita e pelo comentario!! E bom sempre vir aqui adoro o q escreve..bjs

Sonia Schmorantz disse...

Obrigado pelo prêmio!
Tenha você uma nova semana de muitas alegrias.
Um abraço

Desnuda disse...

Daniel,

sensibilizada com o prêmio amigo. Oferecido por você dá o tom significativo. Muito grata!


Beijos, amigo.

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO DANIEL, GRATA PELO PRÉMIO... ABRAÇOS DE AMIZADE,
FERNANDINHA

Dona Poesia disse...

obriga Daniel, vou aceitar com o maior carinho.
abração
quanto coisa para ler nos seus blogs, preciso me dedicar amis às leituras, vc tem muita coisa, nao sabia que vc foi militar. vou ler.

Val Du disse...

Lindo poema.

Obrigada pelo selo.

Beijos.

VANUZA PANTALEÃO disse...

Meu amigo,
Você nos merece todos os prêmios e demonstrações de afeto que lhe pudermos dar, pela sua inteligência, sua consciência e por saber compartilhar todos esses valores éticos com todos nós.
Aceito seu valioso Prêmio e o mesmo será exposto com muita honra na nossa próxima postagem.

As finanças e os banqueiros...você já disse tudo!

Um grande abraço, obrigada!!!

mundo azul disse...

___________________________________

Obrigada, meu querido amigo Daniel!

Levarei o selo com o maior carinho...Só não vou escolher as pessoas... Deixarei lá, para todos que quiserem compartilhar, está bem?


O poema é muito bonito e bem construido!

Beijos de luz e o meu carinho!!!

__________________________________

Ana Martins disse...

Caro Daniel,
desde já parabéns pelo prémio, a si e aos seus nomeados, é sempre bom receber uns mimos indicadores de estima e apreço por nós e pelo blog.

Quanto ao poema, devo dizer que adorei!

Beijinhos,
Ana Martins

Nadir Maria disse...

Que o dinheiro pelo menos caia dos bolsos dos impostores.

Só vim de passagem para uma boa semana.
Um abraço

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Daniel.

Fiquei super envaidecida por ter escolhido meu blog para este prêmio.
Muito Obrigada pela maravilhosa lembrança.
Já peguei o selo e as regras da premiação. VALEU!! :-)

=======

UIA!!! Crise nas finanças? Xô perereca!!! Sai pra lá!! :-)

Dinheiro é um mal, infelizmente necessário no mundo de hoje.





BOA SEMANA!




♥.·:*¨¨*:·.♥ Beijos mil! :-) ♥.·:*¨¨*:·.♥




http://brincandocomarte.blogspot.com/

___________________________________

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Daniel, vim convidá-lo a apreciar meu novo post no Galeria que é sobre um filme acerca dos Borgia. O post tem pouco texto. Além do filme, só o meu poema. O restante são imagens. Há réplicas de algumas obras de Alma-Tadema.
Conto com você.
Um abraço,
Renata

Cleo disse...

Daniel, vim buscar o selo e te agradecer de coração, prá mim é uma honra. Obrigada!
E até das finanças, boas ou ruins fazes poesias. Assim é a vida mesmo. Lindo.
Beijos com carinho e uma maravilhosa quarta-feira.
Cleo

xistosa - (josé torres) disse...

Nadir Maria foi um heterónimo ou pseudónimo que o Blogger me arranjou.
Como me servi do computador da minha mulher, não sei o que se passou.
Mas como não pesco nada disto, também não me preocupo.

Um abraço.
josé torres

Mariazita disse...

Meu caro Daniel
O teu poema é de uma actualidade total. Gostei muito.

Sinto-me honrada com o prémio com que me distinguiste. Muito obrigada.
Vou levá-lo e colocá-lo na minha "Colecção de Selos"; tão breve quanto possível dar-lhe-ei seguimento (mas já fica em segundo liugar...tem outro à frente...)