terça-feira, 14 de julho de 2009

poema


Selos aferecidos pela amiga Renata! Veja aqui o seu comentário e sinta o prazer de conhecer o blog GALERIA RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO, pressionado no nome que encima este.



ANA

Nome pequeno
Mulher alta e bela
Olhar sereno
Mulher do Cruzeiro do Sul
Não tem cabelos loiros
Onde o mar é ameno e azul
Terá netos como tesoiros
Serenos mares e praias desse sul
Onde Ana veraneia
Lindos olhos de azul
Perfil de sereia
Rosto de serenidade
Atitude que enleia
Diriam assim marinheiros antigos
Da cantada sereia
A imagem jeito fazia
Ao poeta da odisseia
Dava verso a profecia
Todas as Anas fossem assim
Serenas se desejava e queria

Daniel Costa


14 comentários:

Val Du disse...

Oi, Daniel.

Sabe que eu gosto muito desse nome, e da cor azul...

O teu poema é lindo!

Obrigada por nos presentear com suas palavras.

Um forte abraço.

Conversa Inútil de Roderick disse...

Mas olha que a Ana da foto tem cabelos loiros!!!!!!

vania marques disse...

seu geito de escrever ,sua maneira de descrever me faz cada vez mais adimiradora dos seus trabalhos.
me sinto fascinada a cada verso e cada paragrafo que leio.
um beijo carinhoso dessa sua amiga que te admira muito:vania m Almeida. beijão...

Simplesmente Amor disse...

Que poema lindo Daniel!

Ao ler pude contemplar a grandeza de um mar...

Um abraço carinhoso

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Acho que foi o poema seu que mais me encantou até hj. É de uma delicadeza incrível. Muito lindo. Podemos publicar em nosso Blog coletivo? Não se esqueça de que o Blog é de todos nós, de toda a irmandade da língua portuguesa, a mias bela do mundo, não acha? Se vc me autorizar a publicá-lo, mande-me o poema por e-mail, ok?!
Daniel, o Tossan gentilmente fez dois selos de dois Blogs meus, o do TWILIGHT FOREVER e o do SÉTIMA ARTE e eu os postei no TRISTÃO E ISOLDA.
Ofereço-lhe os selos, vá lá e os pegue, faço questão.
Um abraço,
Renata
Ah!
http://tristoeisolda.blogspot.com

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Daniel.

Quem diria que um nome de 3 letras, sendo 2 iguais, fosse inspirar um poema tão intenso e profundo como o mar (que eu adoro).
:-)

Lindo!!


======

Que bom que gostou do mimo de Festa Junina.

*********





BOA NOITE e BOA QUARTA!!!



♥.·:*¨¨*:·.♥ Beijos mil! :-) ♥.·:*¨¨*:·.♥







http://brincandocomarte.blogspot.com/

___________________________________

Ana Martins disse...

Adorei Daniel,
lindo o poema a uma Ana que certamente faz parte da sua vida!

Beijinhos,
Ana Martins

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Bom dia, Daniel!
Primeiro, quero agradecer-lhe pelas visitas e por você afixar os meus selos na sua linda poesia.
Segundo, vou pegar esta linda poesia AGORA para postá-la no POESIA EM LÍNGUA PORTUGUESA.
Terceiro, esqueci de dizer-lhe que publiquei no GALERIA. Estou desanimada, porque quase ninguém mais vai lá. Penso em fechá-lo. Mas antes da decisão final, fiz esta publicação e acho que vc vai gostar, caso me visite, pois já não creio em nada.
Beijos,
Renata

Bandys disse...

Ola Daniel,

Que lindo esse poema!! Lendo pude imaginar a Ana como uma mulher vibrante.

Parabéns a Renata,ela merece sempre faz seus post"s com tanto carinho.

Beixo pra voce um beijo e um abraço

Luciana disse...

Oi Daniel, vim conhecer teu Blog através da amiga Renata gostei do que vi.
Abraços

Laura disse...

Olá, conheço Anas muito serenas, muito meigas e mansas, mas haverá Anas para todos os gostos. bela poesia onde elogias uma Ana que deves conhecer...Beijinhos meus, laura.

SAM disse...

Um lindo poema. A beleza sente-se pela poética e pela percepção do azul, da claridade, do dourado e do encantamento.


Ótimo final de semana, Daniel! Beijos

Daniela Filipini disse...

Não tem cabelo loiro mas tem lindos olhos de cor azul :)
Que lindo tudo isso! Beijo!

Sonia Schmorantz disse...

Que bonito poema, que linda imagem!
Ótimo final de semana
abraço