sexta-feira, 24 de julho de 2009

Poema

Oferecido por Jaque, seu perfil: http://www.blogger.com/profile/02086583837072427604

Oferecido pela Bandys: http://esconderijodabandys.blogspot.com/

POEMA DE HOMENAGEM A RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO
Editado em:
Perfil do seu blog :

RENATA

Mulher de letras intemerata
Na pose, na cultura, no amor também
Qual vulcão!
Seu nome Renata
Rê para os amigos, mas Renata Maria
Mais atraente, nome que tem
Com a sua aparente candura, ver-se-ia
Alma bela de poetisa, estrela reluzente
Emana amor, o grande senhor
Interiormente cadente
Exteriormente seu porte é amor
Quando ela passa
Passará a mulher feita tela? Não senhor
Se bem observada
É elegante, sua tez, olhos e alma
Sempre cadente o amor
Sua mente brilhante
Comparável a uma constelação
A um grupo de estrelas
Ao Cruzeiro do Sul, porque não?
Que não ceguem o brilho
Mesmo o esvoaçar cintilante
Bem observada de antemão
Passa uma mulher bela
Mente rica, a seguir seu trilho
Passa a singularidade de uma tela
É a Renata Maria com seu brilho
A grande Renata, mulher singela
Singularidade da pose e da cultura
Renata, se observada quando passa
Observando-a e meditando
Nota-se uma mulher escultura

Daniel Costa



12 comentários:

Dona Poesia disse...

Oi Daniel, fui no blog e li o artigo, obrigada, foi bem elucidativo.

Quero dizer tb que sua página hoje está duplamente bela! O poema e a dona do poema!
Abração da Dona Poesia

Whispers disse...

Ola Daniel!
Lindo teu poema,linda homenagem a tua amiga.
Muito carinho,muita emoção....
Como sempre tuas palavras são de sonho.

Desejo que tenhas um óptimo fim de semana
Mil beijinhos
Whispers

Val Du disse...

Daniel, tens se especializado em poemas. Maravilha!

Beijos

SAM disse...

Lindo poema homenagem, Daniel! Muita sensibilidade sua, amigo. Parabéns a ambos!


Bom fim de semana.

Carinhoso beijo.

Ana Martins disse...

Que linda Homenagem!!!!!!!!!

Renata deve ter adorado.

Beijinhos,
Ana Martins

Sonia Schmorantz disse...

Linda homenagem, Daniel!
Um abraço e um ótimo final de semana para ti e os teus.

Dona Poesia disse...

Sim, colega, é minha neta.
Obrigada pela visita.

Bandys disse...

Daniel,
Bravo!Rê, merece essas homenagens !

Mulher de fibra!Mulher valente!


♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥ ♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:
........ (''''(`-``'´´-´)'''') Amizade é:
..........).....--.......--....( Sorrir
........./.....(6..._...6)....\ Chorar
.........\........(..0..)....;../ Sofrer
......__.`.-._..'='..._.-.`.__ Gargalhar
..../......'###.,.--.,.###.'...\ Mas acima de tudo ....
....\__)) ####'#'###(((__/ Dizer a cada dia
......##### ######## Conta Comigo
........ ############
....../.... ######### ...\ Desejo-te tudo de bom!!!
..__\.....\.. ###### /.....tenhas um ótimo fim de semana.
(.(.(____)....`.# .´..(____).).)
♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥ ♥.:.♥.:.♥.:.♥.:.♥.:. Beijossssssssssss no teu coração.

Fica bem. Fica com Deus.
E vale pr voces!
Meus amigos do ♥

Beijos

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Nossa, Daniel, estou emocionada, nem em sonhos me passou que vc iria publicar o poema em seu Blog. Mais uma vez obrigada. Também foi muito apreciado em nosso Blog.
Já estou melhor, com a introdução do novo medicamento. Durmo muito e, nos intervalos, entro. Publico amiúde no EU, E DAÍ?, que se tornou meu Blog de referência. Fiz a Lista dos Favoritos no Sétima Arte, em que o seu Blog, obviamente, está incluído.
Beijo, amigo,
Renata

Daniela Filipini disse...

"Alma bela de poetisa, estrela reluzente"
Que lindo (:

Angela Guedes disse...

Oi Daniel!!!
Passei aqui para te desejar uma maravilhosa semana e dizer que tem selinho no meu blog para você.
Beijinhos
Ângela

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

A qualquer hora em que chegares,
sentarás comigo à minha mesa.
A qualquer hora em que bateres a minha porta,
o meu coração também se abrirá.
A qualquer hora em que chamares,
eu me apressarei.
A qualquer hora em que vieres,
será o melhor tempo de te receber.
A qualquer hora em que te decidires,
estarei pronto para te seguir.
A qualquer hora em que quiseres beber,
eu irei a fonte.
A qualquer hora em que te alegrares,
eu bendirei ao Senhor.
A qualquer hora em que sorrires,
será mais uma graça que o senhor me concede.
A qualquer hora em que quiseres partir;
eu irei à frente nos caminhos.
A qualquer hora em que caíres,
eu estenderei os braços.
A qualquer hora, em que te cansares,
eu levarei a cruz.
A qualquer hora em que te sentires triste,
eu permanecerei contigo,
A qualquer hora em que te lembrares de mim,
eu acharei a vida mais bela.
A qualquer hora em que partires,
ficarás com a lembrança de uma flor.
A qualquer hora em que voltares,
renovarás todas minhas alegrias.
A qualquer hora que quiseres uma rosa,
eu te darei toda roseira.
Eu te digo tudo isso, porque não posso imaginar
uma amizade que não seja toda,
de todos os instantes e para todo bem.

by: Cid Moreira

Desejo uma linda semana com muito amor e carinho.
Abraços
Eduardo