A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Poema






MARIAZITA

Mulher de segurança
Seguro pêndulo
Inspira confiança
Sempre serena e activa
Ou não fosse do ciclo balança
Vive nos arredores de Lisboa
Deambulará pela capital
Quem a não viu, não viu coisa boa
Esse atributo não lhe falta
É de crer que esteve na Madragoa
A beleza do atributo
Não cairia na lama
Também andaria nos becos
Nos becos da velha Alfama
Ali pelas vielas estreitinhas
Por onde andou a moirama
Por isso a elegante
A mulher de cultura
Séria e interessante
A um tempo séria e divertida
Mulher atraente
Respira amor à vida
Mariazita mulher deste tempo
Mostra-se desinibida
Mostra o seu talento
Mulheres de mente forte
Sempre serão alento
Oh Mariazita
Aprender contigo tento

Daniel Costa

14 comentários:

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Olá, amigo Daniel!
MARIAZITA
Linda!
Segurança confiança serenidade atividade bondade elegância cultura
séria/interessante
mulher amor sincronizada desinibida talentosa
Alento de vida amor
Tento aprender com a Mariazita
Tomara que um dia eu consiga
Mariazita para começar o dia chorando de amor
Beijos de amor aos dois
Saio feliz :)))
Renata

Everson Russo disse...

Meu amigo poeta, voce deu show,,,"quem não a viu, não viu coisa boa" muito bom isso,expressa o carinho e o valor que dedicas a pessoa...parabens...forte abraço e um dia de paz...

Bandys disse...

Daniel
Você descreve sua musas de uma maneira singular, carinhosa, atenciosa1

Mariazita bela, mereces todas as homenagens!

Beijos na tua alma e no teu ♥

Whispers disse...

Querido Daniel.
Uma Mariazita de beleza pura.beleza de ser Mulher e pintada nas tuas doce palavras.
encontro de poesia com a alma, lindo.
Mil beijos
Rachel

JCesar disse...

Daniel, és um poeta da alma.

gostaria de transferir a ti a homenagem que recebi.

passe no blog e retire.

mais uma vez, obrigado pelo vosso selo.

abraço. boa semana.

Aqui, a chuva nos tem castigado.
Julio Cesar

Pensador disse...

Caro amigo Daniel,
Percebo nestes teus posts que tens uma sorte bastante grande: a de encontrar, em teus caminhos por esta vida, mulheres maravilhosas, que valem a penas serem destacadas e homenageadas.
Ou é esta sorte, ou é a tua sensibilidade de poeta, capaz de mostrar em cada mulher o quão maravilhosa ela é. Sempre.
Abraços, amigo, e que muitas outras mulheres maravilhosas recebam tua homenagem.

Mariazita disse...

Meu caro Daniel
Consegui chegar! Com esta chuvinha o trânsito torna-se infernal, mas cá estou.
Não sei o que te possa dizer que não saibas já...
Que me sinto honrada (e desvanecida) com esta homenagem;
Que não me sinto, de todo, merecedora de tantos encómios;
Que a tua amizade não te deixa ver direito...
E, por último, pego na palavra do Pensador:
"Ou é esta sorte, ou é a tua sensibilidade de poeta, capaz de mostrar em cada mulher o quão maravilhosa ela é. Sempre."
Aposto na 2ª.hipótese - é a tua sensibilidade de poeta (dos bons!)

E não digo mais nada. Estou muito coradinha...

Beijinhos mil
Mariazita

PS - DEIXA QUE EU AGRADEÇA A TODOS OS TEUS COMENTADORES QUE ME DIRIGIRAM, AQUI, UMA PALAVRA DE SIMPATIA.
SEM DESPRIMOR PARA QUALQUER UM, DESTACO AS NOSSAS QUERIDAS RENATA E RACHEL, DO WHISPERS, ONDE, ULTIMAMENTE, NÃO CONSIGO DEIXAR COMENTÁRIO...
1 BEIJO

Ana Martins disse...

Caro Daniel,
Linda homenagem, a Mariazita merece!


Beijinhos,
Ana Martins

Everson Russo disse...

Bom dia meu amigo, fico feliz sempre com suas visitas e considerações no Livro, disse outro dia a nossa amiga em comum, a Bandys, que seus comentarios são poesia tambem,,,forte abraço e um belo dia de paz...obrigado sempre.

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Olá, amigo!
Como vai hoje?
Já cheguei
Beijos
Bom Dia
Renata

Maria João disse...

Daniel

Mariazita é tudo o que escreveu com tamanho sentimento e muitas coisas mais que eu acrescentaria, porque as sinto...
É sem dúvida uma amiga, alguém em quem penso muitas vezes ao longo do meu dia, por esta ou aquela razão.. alguém cujo olhar físico o meu nunca cruzou, mas mesmo assim...está sempre tão perto!

Parabéns pela homenagem à qual me associo por inteiro.

Um abraço

Maria Soledade disse...

Olá Daniel! Belos quadros tu consegues fazer e sempre inspirado nas mulheres tuas musas inspiradoras!!Esta Mariazita parece ter realmente todos os atributos que tu tão bem descreves em forma de poesia!!Muito bonito, os meus parabéns!



***Daniel, não te "abandonei" meu amigo,apenas estou a tentar encontrar-me depois de tantas partidas que a vida resolveu pregar-me este ano!!Visitando os amigos tento fazer terapia para não enlouquecer...

Beijinhos...Muitos

EDUARDO POISL disse...

Lindo como sempre , parabéns

"... E de novo acredito que nada do que é
importante se perde verdadeiramente.
Apenas nos iludimos, julgando ser donos das coisas,
dos instantes e dos outros.
Comigo caminham todos os mortos que amei,
todos os amigos que se afastaram,
todos os dias felizes que se apagaram.
Não perdi nada,
apenas a ilusão de que tudo podia ser meu para sempre."

Miguel Sousa Tavares

Abraços com todo meu carinho.
Um lindo final de semana com muito amor e carinho

SAM disse...

Haaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa! Mariazita que amo pradaná! Que alegria, Daniel! Um belíssimo poema, corretíssimo na descritiva. E esta nossa amiga tem tantos predicados que fica difícil enumerá-los. E por isso, aprendemos muito com ela.

Carinhoso beijo aos amigos que adoro e admiro: Daniel e Mariazita.