A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

INÍCIO

INICIO
MOTIVOS TÉCNICOS ALHEIOS A MINHA VONTADE, REENICIO AQUI.

Daniel Costa

4 comentários:

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

VAMOS REINICIAR JUNTOS, AMIGO!
Você é um vitorioso e esse recomeço só lhe será benéfico...Mais uma vez, me sinto honrada com a sua presença no nosso singelo espaço!
FELIZ RECOMEÇO!!!Bjs

mariam disse...

Daniel,
pois então bom reinício!
felicidades por aqui...

um sorriso :)
mariam

EternaApaixonada disse...

*****

Que receba também neste blog o calor humano amigo que merece!

Beijos

*****

xistosa - (josé torres) disse...

Foi a cor, amigo Daniel Costa.
Eu bem lhe disse que estava verde e nesta altura do ano não amadurece nada.
Nem os meus maracujás que produzem duas colheitas.
Este ano ainda estão verdes.

Mas brincadeiras aparte, então esta é a nova morada.
É que ainda não há muitas horas, só tinha visto o poema da Quinta do Avenal, que já tinha comentado.

Necessitava de fazer uns "acertos" no meu blog, mas não me meto em altas cavalarias, porque a queda pode ser grande.
Vou deixar rolar ...

Até o Windows XP implica comigo.
Por isso estou no computador da m/mulher.

É que no meu tempo de escola não me ensinaram como funcionavam estas máquinas infernais e quando podia ter aprendido algo, tive sempre quem o fizesse.
Só muito mais tarde e tarde demais é que vi que o que sabia, pouco ia para além de ligar e desligar o "bicho".

Mas não desisto!

Que a nova vida seja mais fecunda.
Um abraço.