A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

domingo, 8 de março de 2009

poema

ALINE

Mulher morena
Amar-te fui sublime
Foi amor de um dia
Amor verdadeiro
Será como dizem
Não há como o primeiro
Se não acredito
Aquele amor de mulher
Será sempre bendito
Era o despontar dum amor de mulher

XXX

Um dia roubei-te um beijo
Foi uma loucura
Forte desejo
Não gostaste
Por certo não correspondias
Porque logo retiraste

XXX

Mas olha Aline
O meu amor de mulher
Continua intacto e sublime
Continuas a mulher
Que um dia pronunciaste sim
Exultei, o amor
Ficou mais sublime
O amor de mulher
Não de um sentimento qualquer
Vivia o verdadeiro amor
O amor que deveria de ser um dia
O da minha mulher

Daniel Costa


17 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO DANIEL, FIQUEI EMOCIONADA AO LER O TEU POEMA AMIGO... LINDO ESSE AMOR, BELA ESSAMULHER QUE É AMADA POR TI... UM BEIJINHO PARA ELA E UM ABRAÇO PARA TI,
FERNANDINHA

poetaeusou . . . disse...

*
linda mensagem,
bem sentida,
ao meu ver,
,
abraço,
,
*

SAM disse...

Nossa...Mas que bonito, Daniel! Beleza de poema. Um lindo amor... Parabéns pela extrema felicidade de amar e ser amado e pelo belo poema.


Carinhoso beijo

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Daniel.

Muito lindo seu poema.

Amar é sempre bom. Hoje não somos correspondidos e amanhã achamos nossa alma gêmea. É a vida. Amando sempre e sempre. :-)

********

Para todas as mulheres de sua vida desejo um...

M A R A V I L H O S O ♥ D I A ♥ I N T E R N A C I O N A L ♥ D A ♥ M U L H E R !


♥.·:*¨¨*:·.♥ Beijos mil! :-) ♥.·:*¨¨*:·.♥

Laura disse...

Ai rapaz, com isso mostraste que ainda há amor para toda a vida, pena que eu nem acredite já, mas, cada um é como é...Um beijinho a ti e à tua querida esposa..laura..

Ana Martins disse...

Caro amigo Daniel,
Maravilhosa homenagem ao amor da sua vida!!!!!!!!

Encantada!!!!!!

Beijinhos,
Ana Martins

Sandra Daniela disse...

Sorte tem, a mulher que recebe um Amor assim! Lindo!

Um beijinho

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Lindo esse poema, Daniel, que vc me enviou para postar no Feminina, o que farei.
Postei no Galeria e quero que vá apreciar e deixar a sua opinião.
Beijos,
Renata

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Daniel:
Depois que os eu poema não estiver mais exposto, eu o publico no Feminina. Aliás, tem post novo lá.
Amigo:
Postei no Galeria sobre um filme muito bonito. Queria que fosse apreciá-lo e que deixasse a sua opinião. Mas é no Galeria, ok?
Beijos,
Renata

Olhos de mel disse...

Meu doce amigo! Que bela declaração, viu? Lindos versos, cheios de amor e emoção!
Boa semana! Beijos

Marta Vasil disse...

Daniel

Bonita forma de brindar ao amor, amor que tanta vezes se vai vivendo no silêncio, por esquecimento das palavras que vão ficando retraídas no passar dos dias!

Um abraço

Bandys disse...

Linda declaração de amor..
Adorei o poema..

beijos

xistosa - (josé torres) disse...

Caro amigo Daniel

Foi uma bela declaração a quem namora há tantos anos.

Espero que todos os anos continue a declarar-se e a comprometer-se.

Só é pena ter que existir um dia para a mulher ... maus ventos lhe deram origem ...

Mariazita disse...

Está de parabéns a Aline, por merecer um tal poema, e está de parabéns o autor por tê-lo criado!!!

Respondendo ao teu comentátio no Lírios:
É isso mesmo - Pedro Homem de Melo e Amália – a conjugação perfeita para cantarem Portugal e seu folclore tão rico.
O “Povo que lavas no rio” está na forja… qualquer dia surge por aí...

Há post novo. Aparece.

Beijinhos
Mariazita

Val Du disse...

Que lindo poema!

Beijos.

Menina do Rio disse...

Daniel, poema homenagem lindissimo!
Que seja ela, o teu amor de mulher.


Aline é o nome de minha filha mais velha

Um beijo pra ti, querido

Carla disse...

lindo este amor que sentimos nas tuas palavras
beijos