A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

domingo, 2 de maio de 2010

Poema





POEMA OÁSIS

Numa outra galáxia a viajar
Parecia estar noutro país
Seria a sonhar?
O país parecia do outro mundo
Parecia ser governado por talassas
A quererem levar o país ao fundo
No desértico calor havia quem avistasse um oásis
Naquela galáxia havia incongruentes
A quererem mostrar prosápia de audazes
Na galáxia avistei outros países
Seus senadores menos vorazes
Escutavam o saber do povo
Governar com e para ele tentavam ser capazes
O oásis era uma grande miragem
Uma visão que depressa se escapou
Na invernosa, poderia dizer calamitosa
Era a derrapagem que por artes demoníacas passou
Naquele oásis de sonho balofo a parecer moderno
O povo mais autonomia perdia
Mais uma vez os rapazes não mereceram o Inferno
Guardavam as benesses que entre si distribuíam
Promoviam o futuro num mundo moderno
Onde a vida para muitos
Teria um futuro cinzento como dias infernais de Inverno
Banalidades, mesmo insanidades
Acabarão no eterno
Se soubermos deixar bons exemplos
Formar a sociedade dum mundo verdadeiramente moderno
Onde não seja necessário sonhar com outra galáxias
Ou com fogos fátuos do inferno

Daniel Costa

SELOS OFERECIDOS PELA AMIGA SARITA, DO BLOG SAM, A QUEM FICO GRATO. REPASSO AOS AMIGOS.


19 comentários:

Everson Russo disse...

Muito bom viajarmos por galaxias ocultas..procurarmos poeticamente buscar novos horizontes,,,nos sentirmos livres..pra sonhar....abraços fraternos de otima semana pra ti amigo,

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Bom Dia, querido, Daniel! Lindo Poema. repito as palavras do Everson. É bom ampliar os horizontes, viajar, libertar-se, enfim dar altos vôos em outras gálaxias, como diz belamente o seu poema.
Beijossss

***********


Linda mulher, descendo a rua

Linda mulher, do tipo que eu quero conhecer

Linda mulher, eu não creio em você, você não é real

Ninguém poderia ser tão bela quanto você

Misericórdia!

Linda mulher, você não vai me perdoar?

Linda mulher, eu não poderia ajudar você, mas veja

Linda mulher,

Que você é admirável, como pode estar

Sozinha, assim como eu

Raooorrrr!

Linda mulher, espere um instante

Linda mulher, converse um instante

Linda mulher, dê-me seu sorriso

Linda mulher, yeah Yeah Yeah

Linda mulher, olhe meu jeito

Linda mulher, diga que você ficará comigo

Porque eu preciso de você, eu tratarei você bem

Venha comigo, babe, seja minha esta noite

Linda mulher, não se afaste

Linda mulher, não me faça chorar

Linda mulher, não vá embora, está bem?

Se é desse jeito que tem de ser, está bem

Eu acho que irei para casa, já é tarde

Haverá um amanhã à noite, mas espere

O que eu vejo? É ela, voltando para mim!

Oh, oh, linda mulher.

Roy Orbison

Trad. da Renata M. P. Cordeiro.

Muito obrigada.
Tudo de bom.
+ Beijossssss

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

CANTO ENAMORADA, POEMA DE EFIGÊNIA COUTINHO, PARA A SAGRAÇÃO DE MAIO

Chegastes assim, como eu te via
entoando a canção que eu queria
Ao céu abriu-se um cortejo de anjos,
Os sonhos pincelados a Luz do Luar...

Com o meu contato, algo em ti se fixou de mim,
traços meus se juntaram aos teus,
perfilando a trama ancestral que trouxeste!
Hoje eu te vejo e me reconheço em ti.

O que tens de mim, não será mais para mim!
Neste canto cega de Amor eu me entrego!
Como te escutavas me escutavas,
ainda mais feliz então me fizeras!

Viverei por todo esse encanto,
que canto o Amor como Arte!
Mas a vida faz da Arte outra Arte

em toda parte causa espanto
esse canto encanto de Amar-te!
Que festejo com sonhos e Arte!

Deixo-lhe o post do nosso blog, ok?
+ Beijossss
Bom Domingo e Boa Semana.

SAM disse...

Querido amigo,

um belo poema e bem entendido nas minhas conclusões. Sonhamos com este mundo mais humano, honesto, moral e ético que resulte um equilíbrio para o bem de todos.


Carinhoso beijo e lindo domingo.

Fernanda disse...

Amigo Daniel,

Viajar é a melhor forma de abrir os horizontes à cultura, ao conhecimento... e à vida.

Amigo, a Poetisa Maria José Areal é mais do que uma das minhas favoritas.
Para além de ser uma belíssima escritora, é amiga e quase da família.

beijinhos

lita duarte disse...

Oi, Daniel.

Um poema muito bonito.

Boa semana p/ você.

Beijos.

Olhos de mel disse...

Querido Daniel; bom mesmo é viajar nos seus poemas. Eles trazem a marca registrada de um poeta que tem sensibilidade e percepção da alma humana.
Boa semana! Beijos

Felina Mulher disse...

o texto é atraente, envolvente, tem substância, conteudo, vale a pena ler a tua mensagem caro Amigo Daniel.

Uma excelente noite.

Bjokinhas.

Sonhadora disse...

Meu amigo
Um lindo poema, palavras que falam de sentimentos...adorei.

beijinhos
Sonhadora

Pérola disse...

Sempre encantando as pessoas né meu amigo lindo.
Parabéns pelo seu carisma e pelos seus poemas q valorizam a alma de cada um daqueles a quem tu se refere.
Um beijo grannnnde.
Saudades.

Whispers disse...

Meu querido Daniel,
Muito bom viajar, sonhar e imaginar.
Mas melhor é vir aqui, e me embriagar na tua poesia, escrita com a tinta da tua emoção.
Querido, desejo que tenhas uma semana de paz e amor

Mil beijos
Rachel

VANUZA PANTALEÃO disse...

Amigo querido,
Passo para lhe deixar um carinho e dizer-lhe que voltarei ao seu espaço hospitaleiro após a Copa do Mundo, pois iremos tirar férias no interior de São Paulo. Estou atarefada com os preparativos da viagem, mas nada que me impeça de vir aqui e deixar-lhe um até breve e um beijo carinhoso. Meu filho estará por aqui e acho até saudável para ele que venha lhe visitar e beber da sua imensa cultura.
Até breve, Daniel!!!Bjsss

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Bom Dia, Daniel! Adorei o selo da Paz Mundial, levo-o. Estás bem? Espero que sim. Quanto a mim, estou do mesmo jeito, bem como o meu adorável PC. Mas, afinal, é primavera no meu coração. Dormi mal, sim, já saio. Se alguém dormiu mal também, não vou dar-lhe um conselho, só lhe digo, beije o seu travesseiro, ou o parceiro, ou a moça***************



Você a vê
Sentada lá daquele jeito
Ela não tem muito a dizer
Mas tem um segredo
E você não sabe qual é
Mas quer beijar a moça
Sim, você a quer
Olhe para ela
Você sabe que sim
Talvez ela também o queira
Só existe uma maneira,
Pergunte-lhe
E não é uma palavra
Uma simples palavra
Vá lá e beije a moça
Sha la la la la la
Oh, o rapaz é muito tímido
Não vai beijar a moça
Isso não é triste?
É uma pena
É péssimo, vai perder a moça
Vá lá e beije a moça
Agora é o momento
Rapaz, é melhor fazer isso logo
Não haverá momento melhor
Ela não diz palavra
E não irá dizer
Até você beijá-la
Não fique assustado
É melhor estar preparado
Vá lá e beije a moça
Sha la la la la la
Não pare agora
Não tente esconder o quanto
Você quer beijar a moça
Vá lá e beije a moça
E beije a moça...

Samuel E. Wright


Trad. pela Renata M. P. Cordeiro

Kiss*
Bye, bye!
See you***********

Everson Russo disse...

Uma belissima semana pra ti amigo...forte e fraternos abraço de paz.

Bandys disse...

Tudo lindo por aqui.

O amor de uma grande amizade:
é como a luz do dia,clareia o pensamento,anima o coração e enche a vida de alegria.
O valor que há numa grande amizade:
é tão caloroso e brilhante como o sol de verão,
a cada dia, cada instante

Beijos

Pérola disse...

Boa noite meu querido.
Muiiiiito obrigado pela sua visita e pelo carinho.
Senti muita falta de vocês,ser feliz e ter amigos é tuuudo de bom meu querido.
Um beijo grande e uma linda noite.

Everson Russo disse...

Um forte e fraterno abraço pra ti meu amigo poeta...tenha um belissimo dia...

Felina Mulher disse...

Olá Daniel,

Trago-te boas energias e votos de uma noite linda e feliz.


Beijos meu anjo.

jefhcardoso disse...

Daniel estou aqui novamente em minha visita relâmpago, vim lhe convidar a ler o novo capítulo de “O Diário de Bronson (A Continuação de O Chamado)” e deixar o seu comentário.
Retornarei com melhores modos. Tenha uma boa semana.
Abraço do Jefhcardoso!