sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

POEMA AMOR DE FESTIVAL







AMOR DE FESTIVAL

 Observamos um pedestal,
Depois a grandiosa estátua
Amor de festival,
Que o amor acentua
Algo federal,
Que o vulgo não preceitua,
Mas o preza uma qualquer capital
Até na era da Duquesa de Mântua
Haveria uma sala oval
Ficaram na memória, outros a tocar a lua
Olhei a montagem duma sala do arraial
Não do Conde de Andeiro que a história acentua,
Sim a de uma mulher, beleza fenomenal
No seu vestido de gala, verde garrafal
Admiração perpétua!
Catering, para montagem original
Como o mundanismo atua
Visão transcendental
Nossos olhares se cruzaram em ideias mútuas
O eterno aflorou na minha mente, não como factual,
Imaginei ali encetar uma vida de amor perpétua,
De disposição noival!
Que sempre o amor impactua
Amor de festival
Eu, ela e a lua!
Amor raro de festival
Aberto, reto, sem precisar de gazua!
Amor de festival!

Daniel Costa



 

7 comentários:

Anne Lieri disse...

Maravilhoso esse amor que o poeta coloca num pedestal! Muito lindo poema! Bjs a ti e querida Severa!

Dorli disse...

Oi Daniel
Esse seu coração cheio de amor o faz subir às nuvens.
Linda poesia
Enigmática e linda Severa!
Obrigada
Lua Singular

MARIA MACHADO disse...

Bom dia querido Daniel!

É, um amor pra ser colocado num pedestal, só pode ser aquele amor,
não é um amor qual quer, é aquele amor... que nos deixa flutuando com apenas um toque,que diz tudo, num simples olhar. Muito lindo parabéns ao poeta, e essa linda dama Severa Cabral.

Um final de semana-feliz!!

Bjs!

Maria Machado


Bandys disse...

Muito bela a poesia. E como sempre a Severa desfilando seus vestidos belos,q que ja é uma inspiração;

Beijos

Felisberto Junior disse...

Olá!Boa noite,Daniel!
Parabéns pelo poema...é verdade, quem é que nunca colocou alguém que amávamos, ou julgávamos , em um pedestal. Ou que alguém gostasse de nós , de nos colocar nesse pedestal. ..ou no mínimo,que o sublime sentimento fosse assim reverenciado... O pedestal do amor. ..
...nem precisa agradecer, venho sempre , com muito carinho!
agradeço,belo final de semana, abraços!

Smareis disse...

Oi Daniel,
Maravilhoso esse poema, a sua musa inspiradora como sempre fantástica.
Amor assim, só amor de verdade.
Bjs e ótima semana!

Anónimo disse...

SOU DO BLOG FOLHASDE OUTONO !
Grande festival,grande festa,grande poema !!!!!!!
Assim você vai seguindo sua caminhada com seus magníficos poemas do qual sou uma admiradora e fã de carteirinha.
Sempre me surpreendo em cada leitura que faço.Vejo que a cada dia vc ultrapassa seus limites na literatura.
O bom é viver esse festival de amor...
Agradeço a todos os amigos que me colocou nesse pedestal de amizade .
Abç amigo !